Falando sobre

out 2014

Artémis

“Seus intérpretes, Inácio de Nonno, como o escultor Hélio, Eiko Senda, como sua esposa Héstia, e Valentina Ghiorzi Safatle, como sua filha Délia, em conjunto com a Orquestra do Theatro São Pedro, regida por Emiliano Patarra, e o coro Vozes Paulistanas, mostraram-se competentes para a empreitada.”  – Guilherme Goldberg (Site Concerto)

set 2014

Artémis

“Excelente coro, bela orquestra, sob a regência de Emiliano Patarra, que muito se empenhou para que a obra fosse executada.” – Jorge Coli (Site Concerto)

abr 2014

Theatro São Pedro

“Sob direção Artística de Emiliano Patarra – que já era regente titular da orquestra desde a sua criação, em 2010 – o Theatro São Pedro teve em 2013 uma temporada de óperas que, apesar de enxuta, foi feita com bom senso e competência.” – Sidney Molina (Folha de São Paulo)

mar 2014

O Menino e a Liberdade

” A Orquestra do Theatro São Pedro regida pelo sempre competente Emiliano Patarra mostrou musicalidade coerente, com todos os naipes equilibrados. “ – Ali Hassan Ayache (Blog Música, Ópera e Ballet)

dez 2013

Falstaff

“Regência que mostra elementos típicos da música verdiana e acompanha os solistas e demais cantores de forma precisa. “ (sobre Falstaff – Theatro São Pedro – 2013) – Ali Hassan Ayache (Site movimento.com e Blog Música, Ópera & Ballet)

dez 2013

Falstaff

“Essa foi uma das raras récitas em que as coisas encaixam, a Orquestra do Theatro São Pedro regida pelo sempre competente Patarra esteve melhor que a estreia. Sua sonoridade mostrou-se operística em um volume correto e sincronizada com as cenas.” – Ali Hassan Ayache (Blog Música, Ópera e Ballet)

nov 2013

Falstaff

“Equilíbrio foi a medida da regência do maestro Emiliano Patarra como diretor musical e regente da Orquestra do Theatro São Pedro, deixando as vozes livres, sem cobri-las e dando todas as entradas necessárias aos solistas.” – Marco Antônio Seta (Site movimento.com e Blog Música, Ópera & Ballet)

ago 2013

XII Festival de Ópera do Theatro da Paz

“Há que se destacar, em primeiro lugar, o trabalho da Orquestra Jovem Vale Música, composta de jovens entre 15 e 20 anos de idade aproximadamente, fruto pedagógico de educação musical e artística específicas, longa e contínua, e que não pode ser interrompido, resultando em exemplo educativo e cultural para o Brasil de norte a sul. Nas mãos do maestro Emiliano Patarra como diretor musical, correspondeu plenamente, entusiasta e confiante, à altura das exigências do maestro concertatore nos termos de dinâmica, ritmos, intensidades e inflexões.” (sobre L’Elisir d’Amore no XII Festival do Theatro da Paz ) – Marco Antônio Seta (Site movimento.com)

ago 2013

XII Festival de Ópera do Theatro da Paz

“Responsável pela direção musical do Elixir, o maestro já havia regido recentemente este título na capital paulista. Desta forma, seu trabalho em Belém foi fruto de uma competência consolidada, imprimindo andamentos interessantes e garantindo um ótimo fluxo da teia narrativo-musical.” (sobre L’elisir d’Amore no XII Festival do Theatro da Paz, agosto 2013) – Leonardo Martinelli (Site Concerto.com)

mar 2013

La Cenerentola

“Nesta quinta récita, a Orquestra do Theatro São Pedro esteve bem, sob a condução de Emiliano Patarra” (sobre La Cenerentola, março 2013) – Leonardo Marques  (Blog Música, Ópera e Ballet)